viagem

Pedalando em Miami

De volta ao Rio! Enquanto muitas leitoras estão aproveitando os últimos drinks suspiros do Carnaval, as minhas “super-mini-férias” acabaram e isso significa que o blog voltou a rotina – iupi! E para abrir com chave de ouro os posts de Miami, eu decidi falar de um programa delícia para fazer na cidade e que passa looonge de shopping: andar de bicicleta.
 
Pedalar é a melhor maneira de conhecer a linda orla de Miami Beach. Caso seu hotel não disponha de bikes, não se preocupe, só perguntar no concierge a empresa de aluguel mais perto de você – existem inúmeras com preços muy amigos. Por exemplo, eu paguei $20,00 por 6h com direito a cadeado e seguro. Minha dica é começar pelo calçadão dos grandes hotéis e seguir até a Ocean Drive onde há muitas opções de bares e restaurantes, ou estacionar a bicicleta e aproveitar o sunny day na praia.
 
Créditos: vestido Forever 21/ óculos Persol/ sapatilhas Tory Burch
 
 
Obs: ignorem as sapatilhas. Eu não pirei de vez, é que a “cabeça-de-vento”aqui esqueceu de levar sandálias rasteiras na mala hahaha aí teve que rolar o improvisation.
 
Obs2: usem e abusem do protetor solar! apesar de inverno o sol é muito forte em MIA. Eu estou cor de pimentão hahaha
 

Continue a leitura

Papo viagem!

E foi dada a largada para o carnaval. Enquanto muitas leitoras estão contando os minutos para se jogarem na farra nos blocos, outras já viajaram, ou, como eu, estão fechando as malas – atrasiuda! E como o papo é viagem, hoje o post é sobre uma dúvida frequente: o que levar na bagagem de mão?


Como diria o ditado “em terra de cego quem tem olho é rei”. Em tempos de vôos atrasados, cancelados, caos aéreo etc, a mala de mão tornou-se um item indispensável na hora de viajar. Tão importante quanto o passaporte, é ela que leva com segurança seus itens valiosos ($$$), e que segura as pontas quando seu vôo está lotado e suas malas chegam com delay de 1 dia (fato veridicto). Assim, eu separei os quatro itens fundamentais da bagagem de mão:


Bens de valor


Infelizmente tem ocorrido muitos furtos nos aeroportos. Para não acontecer como uma amiga minha, que quando abriu a mala só tinham os sacos das bolsas dela, eu recomendo colocar tudo de valor na malinha de bordo. Computador, Ipad, Iphone, eletrônicos em geral, bolsas, sapatos, entre outras coisas.


Entretenimento


Aguentar mais de 8h dentro de um avião não é fácil. Assim, minha dica é levar um kit diversão na bagagem de mão. Com itens como Ipod com playlists atualizadas, revistas variadas, e livros.


Roupa extra


Quem não conhece um caso de extravio de malas que atire a primeira pedra! Para não ficar “sem roupa” no local caso sua mala não chegue, minha dica é sempre levar uma outra produção na malinha. Vale outra camiseta, casaco, lingerie, e necesseire. Assim, você pode trocar de roupa até resolver o problema.


Pashimina


Com a temperatura siberiana nos aviões, nem sempre a mantinha oferecida dá conta em nos aquecer durante o vôo. Para não ficar horas que nem pinguim, minha sugestão é sempre ter a postos uma pashimina grande. Além de esquentar, pode servir como um acessório do look.


Óculos escuros


Para esconder a cara de “noite mal dormida”, nada melhor que os bons e conhecidos óculos escuros.


Agora me contem…

O que não pode faltar na mala de mão de vocês?

Continue a leitura

Dica delícia de Orlando

Para quem acha que só vai comer hamburguer, cachorro-quente e sorvete no formato do Mickey em Orlando, está enganado. Além de todas essas guloseimas, é na cidade que fica uma das melhores casas de carne que eu conheço, o Shula’s Steak house.



Localizado dentro do Hotel da Disney, o Dolphin, o Shula’s é uma excelente opção para quem quer sair para jantar, conversar, e tomar um bom vinho a noite, após aquele dia cansativo de parques – ou compras. Os garçons são super atenciosos e te explicam detalhadamente todas as opções de cortes da casa. Minha sugestão: peça o ounce NY Strip como prato principal e encerre com o souflé de chocolate. Tipo de sobremesa que gera briga de colheres haha. 

Falha da blogueira: os pratos estavam tão deliciosos que só lembramos (sim, no plural, pq todo mundo que estava presente falou pra eu por no Dica Delícia haha) de bater foto no final. Então seguem alguns registros do restaurant para vocês.


O menu das carnes é essa bola de futball americano, o máximo, né?


Eu e minha mamis esperando nossa mesinha…

Um pouco do ambiente


Obs: esse momento já era tarde, por isso estava vazio, mas quando chegamos estava lotado! Como a maioria dos lugares nos USA, só da pra ir com reserva.

Agora, uma foto roubada do google para vocês terem uma noção melhor 

Fotita do look que eu usei no dia

Detalhes…


Créditos: blusa de renda e seda Agilità/ calça de couro Ateen/ Pumps Chanel/ clutch Bottega Veneta/ anel de caveira Lilac/ pulseira Amie para Kolut 


Obs: Atenção, não se esqueçam de levar identidade para qualquer restaurante/bar nos USA, principalmente na Disney. Mais do que qualquer cidade americana, eles são suuuper corretos. Mesmo com minha carinha old lady de 22 anos e acompanhada dos meus “responsáveis” (so 2000’s… haha) eu não pude nem tomar uma taça para brindar. Quer dizer, eu brindei com água. Até ao meu irmão que tem 26 anos pediram documento. A idade permitida para ingerir bebidas alcoólicas no país é 21 anos, e não 18 como no Brasil. 

Continue a leitura